Felipe Peixoto reafirma compromisso com combate à corrupção em debate no SBT

O candidato Felipe Peixoto, do PSB Niterói, participou nesta quarta-feira, 19, de mais um debate com prefeitáveis no segundo turno. O encontro foi no SBT, com alcance de mais de 1 milhão de pessoas no ao vivo pela tevê, e atingindo cerca de 16 mil visualizações no Facebook do candidato até 17h. No fim da tarde, Felipe fez corpo a corpo na esquina das ruas Moreira César e Lopes Trovão, em Icaraí, onde à noite se reuniu com um grupo de arquitetos e depois participou do ao vivo “Falando sobre Niterói” com o ex-vereador Gegê Galindo, exibido também em sua página do Facebook.

Além de falar de propostas nas áreas de segurança, saúde, mobilidade e educação, Felipe denunciou boatos, ataques nas redes sociais e agressões verbais feitas em atividades públicas pelo prefeito Rodrigo Neves, candidato à reeleição pelo PV.

– O debate político é fundamental para o exercício da democracia, mas é preciso haver uma campanha limpa. Trabalhamos com a verdade, com fatos, ao contrário da campanha do nosso adversário, que vem espalhando boatos, fazendo ataques nas redes sociais e agressões verbais comprovadas em vídeos – disse Felipe.

No debate – Em quase uma hora de debate, o candidato do PSB destacou propostas de combate à corrupção, como a criação de uma Corregedoria que fará uma varredura nos contratos da Prefeitura, a exemplo da que criou à frente da Saúde e que trouxe à tona o escândalo dos remédios fora da validade. “Um absurdo que só foi descoberto graças à Corregedoria que eu criei para investigar a corrupção, contratos e outros processos na pasta. As apurações comprovaram problemas de gerenciamento de estoque anteriores a minha chegada”, esclarece Felipe, adiantando que uma das missões da Corregedoria será investigar os contratos da TransOceânica.

Mais propostas – Sobre a Transoceânica, Felipe voltou a desmentir o boato espalhado pela Região Oceânica de que não vai concluir a obra. Muito pelo contrário, Felipe vai não só concluí-las, como ampliá-las, ligando o corredor Charitas-Centro por meio de uma linha de BRS. Felipe também vai lutar pelo Metrô e corredores de BRT na Alameda e no Barreto. Outras propostas são ampliar o número de policiais nas ruas, com a retomada do PROEIS; e modernizar o programa Médico de Família, com fornecimento de remédios, e atendimento aos sábados.

DEIXE SEU COMENTÁRIO